• Cris Jardim

Preparativos para o Natal: frutas típicas, como a cereja e a uva, podem ir muito além da decoração

Nutricionista do Oba Hortifruti, Renata Guirau, ensina receitas cheias de sabor, como doces, caldas e geleias, e ressalta os benefícios dessas frutas muito presentes nas comemorações



Brasília, 6 de dezembro de 2021 – Com a chegada das festas de fim de ano, o consumo de frutas "tipicamente natalinas", como a uva niágara e a cereja, aumenta consideravelmente. As frutas fazem parte da decoração das mesas dos almoços e ceias em família, mas podem ser usadas também em várias receitas. E o melhor: além de saborosas, proporcionam incontáveis benefícios à saúde.

A uva niágara, por exemplo, é rica em vitamina A, um antioxidante que protege a pele contra os danos do sol e ajuda no reforço da imunidade. Também possui vitamina C, cujo antioxidante auxilia na imunidade e na produção natural de colágeno. Já a vitamina K, também presente na fruta, está relacionada com o melhor padrão de coagulação do sangue e é importante para a saúde óssea. "Além disso, é fonte de potássio, que previne câimbras, ajuda no controle da pressão arterial e nos processos de contração muscular", explica Renata Guirau, nutricionista do Oba Hortifruti.

Outro ponto positivo, segundo a nutricionista, é que a uva tem poucas calorias: 100g possuem apenas 50kcal. "Embora muitos pensem que uva é uma fruta calórica e que atrapalha o emagrecimento, em quantidades adequadas, ela não terá esse efeito", ensina.

A cereja também não fica atrás da uva em termos nutricionais. Seu consumo ajuda diretamente no auxílio ao controle da glicemia, por causa do ácido clorogênico e antocianinas - também presente na fruta, é um antioxidante que ajuda na prevenção de doenças cardiovasculares. Assim como a uva niágara, a cereja é rica em vitamina C, que ajuda na imunidade e na produção natural de colágeno.

"Para quem sofre de insônia, recomendo a ingestão de cereja, pois o triptofano presente na fruta, é um aminoácido importante para a produção de melatonina, que ajuda na melhora da qualidade do sono", ressalta Renata.

Para a nutricionista, a recomendação é que as frutas sejam consumidas inteiras e com casca para aproveitar ao máximo os nutrientes, principalmente as fibras. Sempre que as frutas são congeladas, batidas, cortadas, elas começam a perder nutrientes. Então, quanto mais fresca e preparada perto do momento do consumo, mais nutritiva será."

Além do consumo in natura, Renata ensina receitas para enriquecer a ceia de natal.

Geleia de cereja

Ingredientes

2 xícaras de cerejas picadas

1 xícara de açúcar cristal

1 maçã sem casca ralada

Suco de 1 limão

Modo de preparo

Misture todos os ingredientes em uma panela, cozinhando em fogo baixo, sem parar de mexer, até que fique na consistência de geleia.


Cheesecake de cereja

Ingredientes

1 xícara de chá de manteiga sem sal derretida

200g de biscoito tipo maizena

Suco de 3 limões sicilianos

1 envelope de gelatina sem sabor

250g de creme de ricota

½ xícara de chá de açúcar

1 xícara de chá de creme de leite fresco

2 xícaras de chá de geleia caseira de cereja

Cereja em calda para decoração

Modo de preparo

Pré-aqueça o forno a 180 graus e separe uma assadeira redonda média, de fundo falso.

Bata no processador as bolachas e a manteiga amolecida.

Acomode a massa no fundo da forma e leve ao forno por 5 minutos.

Em uma vasilha, misture a gelatina preparada de acordo com as instruções da embalagem, o limão, o creme de ricota, o açúcar e o creme de leite. Misture bem, até que forme uma massa homogênea.

Acomode o creme por cima da massa pré-assada.

Leve à geladeira por cerca de 2 horas.

Finalize com uma camada generosa de geleia de cereja e decore com cerejas em calda.

Leve à geladeira por mais 2 horas antes de servir.


Gelado de uva com hortelã

Ingredientes

1 xícara de uva niágara

10 folhas de hortelã

1 xícara de leite condensado

½ xícara de creme de leite fresco

1 envelope de gelatina sem sabor

Modo de preparo

Prepare a gelatina conforme instruções da embalagem.

Em seguida, bata todos os ingredientes no liquidificador.

Coloque em taças e leve para gelar por 2 horas antes de servir


Calda de uva (para sorvetes e salada de frutas)

Ingredientes

1 xícara de água

1 xícara de açúcar

500g de uva niágara

Suco de ½ limão

Modo de preparo

Bata as uvas na função pulsar do liquidificador.

Misture com os demais ingredientes e cozinhe em fogo baixo, mexendo sempre, até formar consistência de calda.

Deixe esfriar e sirva de acompanhamento para sorvetes, cremes, saladas de frutas.


Sobre o Oba Hortifruti – A rede é referência em qualidade e variedade de produtos, e oferece diariamente um atendimento mais próximo, que prioriza o relacionamento com o cliente, garantindo o equilíbrio perfeito entre sabor e saúde para a vida das pessoas. Acredita que reunir a família e os amigos ao redor da mesa é um momento gostoso e saudável. Referência em saudabilidade e prazer em comer bem, O Oba é fonte para quem deseja manter uma boa alimentação.

A rede já foi premiada duas vezes pela Folha de S. Paulo, na pesquisa Top Of Mind, como a marca mais lembrada pelos brasileiros na categoria hortifruti, pela edição da revista Veja Comer & Beber, como o estabelecimento mais amado pelos paulistanos e também no ranking IBEVAR – FIA 2020, como uma das empresas mais eficientes do varejo brasileiro.

Atualmente, a marca possui mais de 60 lojas espalhadas pelos Estados de São Paulo, Goiás e Distrito Federal. Com mais de 40 anos de história, o Oba expandiu sua atuação no mercado com setores de frios e laticínios, açougue, adega, mercearia, importação própria, pré lavados, lanchonete, floricultura, padaria e restaurante, que complementam o setor de hortifruti.

Acesse: http://www.obahortifruti.com.br/

Siga o Oba Hortifruti

Site: https://obahortifruti.com.br/

Facebook: https://www.facebook.com/obahortifruti/

Instagram: https://www.instagram.com/obahortifruti/


Fotos: divulgação