• Cris Jardim

Forma inaugura o quintohotel da Rede Viverone

Na entrada de Canela, empreendimento que gerou mil empregos diretos e indiretos tem mais de 11 mil m² e negócios na ordem de R$ 75 milhões


De 2010 para cá já são 869 mil m² de área construída e de urbanização entregue em diversos projetos nas cidades gaúchas de Bento Gonçalves, Canela, Garibaldi, Porto Alegre e Rio Grande, além de Governador Celso Ramos, em Santa Catarina. Neste período, cinco obras num total de 44.643 m² foram para a Rede Laghetto Viverone de Hotéis. A primeira, que selou a parceria, foi o Laghetto Viverone Bento, na Capital Brasileira do Vinho. Depois veio o Laghetto Viverone Moinhos em Porto Alegre em 2013, o Laghetto Viverone Rio Grande em 2018 e em 2019 o Laghetto Viverone Estação, também em Bento Gonçalves. Agora, chegou a vez da Forma Espaços Imobiliários entregar o Laghetto Viverone Canela, um hotel com 168 apartamentos e uma infraestrutura de lazer com piscina coberta e aquecida, um foyer imenso com 350 m² de área exclusiva, restaurante com 400 m², Centro de Eventos, Solarium, Sala de Jogos, Fitness Center, Sauna Seca e Espaço Kids.

Os apartamentos possuem dimensões que vão de 24 m² a 34 m² com combinações que podem acomodar até seis pessoas. Mas o grande diferencial da obra é a sua extensão com 143 metros lineares, ou seja, uma frente imponente que dá as boas-vindas a todos que chegam na cidade, atendendo os padrões urbanísticos de Canela, com destaque para a beleza da arquitetura. Para o diretor da Forma Espaços Imobiliários, engenheiro Paulo Pompermayer, a parceria se fortaleceu ao longo desses 12 anos alicerçada na confiança e na credibilidade de ambas as marcas. “A Laghetto tem paixão em servir e aplica esse sentimento na entrega aos seus clientes e na forma como conduz suas parcerias. Vemos a dedicação e o cuidado com o patrimônio dos investidores, a seriedade com as questões comerciais que expõe a fidelidade com que cumprem os acordos firmados. É uma empresa gaúcha como a nossa, que conhece como poucos os movimentos do setor e o que os hóspedes buscam em nosso Estado. Isso tudo sustenta e fortalece ainda mais a nossa parceria”, comemora.

Para Francisco Faggion Filho, diretor da Forma, inaugurar um hotel deste porte e com este conceito na Região das Hortênsias é um marco de propulsão para o crescimento da Rede Viverone. “A localização do Hotel Laghetto Viverone Canela responde por 50% do sucesso do projeto. A outra metade é fruto de uma parceria sólida entre a Forma, a Rede Viverone e a Rede Laghetto e também ao projeto, concebido para satisfazer os hóspedes e trazer excelentes resultados financeiros aos seus investidores”, garante. Segundo Faggion, a realização deste projeto motiva a geração de novos empreendimentos em Gramado e Canela. “Temos um DNA que respira inovação. Por isso, podemos dizer que construímos não apenas o maior hotel da rede, mas o mais charmoso e que oferece experiências inesquecíveis. Embarcamos nesse projeto 90% dos investidores da Serra Gaúcha e da Região Metropolitana de Porto Alegre”.

Instalado em uma área de 6.300 m², o Laghetto Viverone Canela possui andar de acesso horizontal, tendo três torres conectadas por meio de passarelas envidraçadas que ligam um pavimento único onde estão centralizadas as atividades e áreas sociais. Projetado pela arquiteta Vera Zaffari & CO e interiores com a arquiteta Silvia Benedetti & Associados, o hotel, localizado na rua Rodolfo Schilieper, 64, alia conforto e aconchego à vivência da Serra Gaúcha. O tom cinza que remete ao frio da Serra é aquecido com revestimento amadeirado. Diante do limite da altura vigente, o uso de telhados com altura e inclinações que permitiram abrigar apartamentos também nestas áreas, gerando o quinto pavimento, feito com tecnologia construtiva steel frame (permite vãos livres maiores, sem vigas e dá condição de melhor aplicação de conforto térmico e acústico). Ao usar a materialidade original da região, o projeto uniu contemporaneidade, passando a ser destaque para a cidade. Com uma topografia em aclive, possui um andar de subsolo, abrigando as áreas de estacionamento, serviços e convenções. Coberturas verdes propiciam maior conforto térmico interno e o uso da madeira aquece os espaços.

Depois de dois anos a espera da aprovação do projeto, com licenciamento ambiental e registro imobiliário, a obra começou em 2019. Em menos de três anos, foram gerados 300 empregos diretos e 700 indiretos. O grande desafio foi a pandemia que reduziu, sensivelmente, a possibilidade de postos de trabalho em atividade e que manteve a obra parada por três semanas, além de enfrentar problemas com o fornecimento e o alto custo de materiais, em muitos casos até escassez e com prazos de entrega muito estendidos.

O CEO da Rede Laghetto Hotéis, Diego Cáceres, fala da parceria de mais de 12 anos de sucesso. “Juntos, elevamos o portfólio e a satisfação de novos investidores, clientes, parceiros e comunidades onde estamos inseridos. Por isso, estamos honrados e felizes em inaugurar o quinto hotel do Grupo Viverone, o Laghetto Viverone Canela. Que venham mais Viverones! Que venham mais Laghettos!”. Cáceres comenta, ainda, que as consolidadas marcas Viverone e Laghetto têm grande força no mercado do Sul e seguem em crescimento contínuo.


Mais sobre a Forma


Com 16 anos de atuação, a Forma Espaços Imobiliários tem obras nas cidades gaúchas de Bento Gonçalves, Canela, Garibaldi, Porto Alegre e Rio Grande, além de Governador Celso Ramos, em Santa Catarina. São 869 mil m² de área construída e de urbanização de loteamentos entregues e mais de 3 milhões de m² de empreendimentos imobiliários em andamento. São loteamentos, condomínios, centros comerciais e hotéis, obras com características inovadoras da arquitetura, design e infraestrutura, com padrão de execução e atendimento do início ao fim. “Operamos com o permanente desafio de proporcionar aos nossos clientes o melhor retorno de bem estar e confiança para seguirmos sendo relevantes na região em que atuamos”, destaca Pompermayer.

Em Bento Gonçalves, já foram entregues o Laghetto Viverone Bento e o Viverone Planalto. Em fase de construção, a rede trabalha no Viverone Garden, um jardim urbano de 24 mil m² no meio da cidade. O empreendimento, com conceito inovador na avenida mais charmosa da Capital Brasileira do Vinho, tem um investimento de R$ 130 milhões.

OBRAS DA REDE LAGHETTO HOTÉIS FEITAS PELA FORMA ESPAÇOS IMOBILIÁRIOS

Laghetto Viverone Bento – 7.900 m² - 121 apartamentos – entrega em 2010

Laghetto Viverone Moinhos – 7.128 m² - 132 apartamentos – entrega em 2013

Laghetto Viverone Rio Grande – 9.015 m² - 168 apartamentos – entrega em 2018

Laghetto Viverone Estação – 9.200 m² - 205 apartamentos – entrega em 2019

Laghetto Viverone Canela – 11.400 m² - 168 apartamentos – entrega em maio de 2022

Fotos: Daniel Anderson