• Cris Jardim

LENDÁRIOS SAFRA 2020: Miolo Testardi Syrah, o ícone que vem do sertão

Abençoado pelo Velho Chico, vinho traz a máxima expressão da casta no Brasil e carrega em seu nome o símbolo da resiliência


Nos vinhedos da Vinícola Terranova, no Vale do São Francisco, a Miolo colhe uvas, levando a cultura do vinho para o seio de famílias que vivem naquela região inóspita, renascendo a cada safra, sempre abençoados pelas águas do Velho Chico. Sim, a Miolo fez nascer um tinto estruturado no sertão nordestino. É o Miolo Testardi Syrah Safra 2020, o segundo a ser lançado da Coleção dos Sete Lendários – The Seven Legendaries of Miolo. O rótulo está disponível na loja virtual (www.loja.miolo.com.br) ou pelo tele vendas 0800 970 4165 e nas melhores lojas especializadas de todo o Brasil.


O nome deste vinho simboliza a resiliência de cultivar uvas no sertão nordestino. Testardi é um termo italiano que significa teimoso e remete à obstinação e persistência. E é justamente isso que transmite, mostrando ao mundo que é possível cultivar uvas e fazer grandes vinhos neste local hostil, mas que alimentado pelo Rio São Francisco é capaz de produzir vinhedos em meio ao semi-árido. Com o Testardi, a Miolo demonstra que se pode elaborar um vinho tinto de alta qualidade no Nordeste brasileiro. Lá, uma estrutura composta por vinhedos próprios, cantina, cave, engarrafamento, destilaria, sala de degustação e varejo, dão suporte a duas safras anuais possíveis graças à irrigação pelo sistema de gotejamento com as águas do Rio São Francisco.

O diretor superintendente da Miolo Wine Group, Adriano Miolo, ressalta que a Vinícola Terranova é reconhecida pela elaboração de espumantes e que vem trabalhando sua vocação para castas tintas que se adaptam à região. “Provamos para o mundo que é possível elaborar um tinto de guarda no nordeste brasileiro. A variedade Syrah já tem aptidão consolidada na região, mostrando o poder deste terroir ainda pouco explorado e que também aponta outras possibilidades, com novas castas tintas que estão sendo descobertas”.

As 13.500 garrafas que estão chegando ao mercado são resultado de um processo de elaboração totalmente diferenciado. Começou com a colheita no inverno, passando pelo desengace manual, sem esmagamento da uva. A maceração pré-fermentativa a frio durou cinco dias em tanque de aço inox, sendo que a fermentação alcoólica e a maceração ocorreram com temperatura controlada de 22°C a 24°C. Assim, para a extração de polifenóis, seguiu-se para a remontage aberta, pigeage e delestage, processos usados para permitir o contato com a casca, com cuvaison de 30 dias, aproximadamente, com realização da fermentação malolática espontânea na presença das cascas. A prensagem ocorreu em prensa tipo torchio, onde a totalidade do vinho foi adicionada ao vinho flor e o amadurecimento foi em barricas novas de carvalho francês por 12 meses. O resultado é um vinho inusitado, surpreendente, que chega com novo rótulo.

O vinho


De coloração violácea profunda, traz aromas de frutas vermelhas maduras tipo morango e ameixa preta, além de notas mescladas com gengibre, noz moscada e nuances defumadas. No paladar, é altamente estruturado e de médio volume em boca. Muito equilibrado e untuoso, tem acidez refrescante e longa persistência. Sua temperatura ideal para degustação é de 16ºC a 18ºC.

O forte gosto da carne de bode do Nordeste, o barreado e também a famosa feijoada carioca, harmonizam muito bem com o Testardi Syrah 2020, que também combina com carnes como fraldinha, maminha, bife de ancho, filé mignon e demais carnes vermelhas grelhadas, só temperadas com sal. Carnes de carneiro, buchada de bode, carne de sol, carne de porco, cupim, picanha com a capa de gordura também harmonizam com o vinho. Acompanha um bom e típico churrasco brasileiro.

Coleção Sete Lendários Safra 2020

Os Sete Lendários é tesouro em forma de vinho. São sete ícones da ‘Safra das Safras’, elaborados nos quatro terroirs onde a Miolo Wine Group produz: Vale dos Vinhedos (Miolo), Vale do São Francisco (Terranova), Campanha Meridional (Seival) e Campanha Central (Almadén). A revolução tecnológica, do vinhedo ao varejo, foi presenteada com a mãe natureza que entregou uma safra perfeita. O que era espetacular não apenas se repetiu como se superou, garantindo o ‘bis’ deste projeto histórico.

“A Safra 2020, assim como a de 2018, foi lendária porque superou todas as expectativas nos quatro terroirs. Isso é muito difícil de acontecer e, por isso, precisa ser celebrado da melhor forma que sabemos fazer: elaborando vinhos ícone, que formam uma coleção histórica, para compartilhar com o mercado consumidor o que de melhor o Brasil proporciona.”, destaca o diretor superintendente da Miolo Wine Group, enólogo Adriano Miolo.

OS LENDÁRIOS 2020

  1. Miolo Merlot Terroir – Vale dos Vinhedos (Miolo)

  2. Miolo Testardi Syrah – Vale do São Francisco (Terranova)

  3. Miolo Quinta do Seival Castas Portuguesas – Campanha Meridional (Seival)

  4. Miolo Vinhas Velhas Tannat – Campanha Central (Almadén)

  5. Miolo Sebrumo Cabernet Sauvignon – Campanha Meridional (Seival)

  6. Miolo Lote 43 – Vale dos Vinhedos (Miolo)

  7. Miolo Sesmarias – Campanha Meridional (Seival)

Imagens: Divulgação Miolo