top of page
  • Foto do escritorCris Jardim

Em projeto de estímulo ao cultivo de uvas de qualidade, vinícolas associadas a Aprovale pagarão valo

Pensando em estreitar laços e valorizar o produtor local, estimulando-o a permanecer em sua propriedade, e preenchendo a necessidade de vinícolas associadas na compra de uvas que atendam ao Caderno de Especificações Técnicas da Denominação de Origem Vale dos Vinhedos, Sandro Valduga, presidente da Aprovale na gestão 2021/2022, lançou oficialmente na tarde de 15 de setembro, projeto que abraçará produtores e vinícolas, aumentando áreas de vinhedos dentro da área delimitada.




A partir da safra 2023, produtores de uva cadastrados receberão valores especiais pelas uvas que atendam às especificações técnicas. Em comparativo, os valores pagos ao quilo da uva chegam a ser 275% maiores do que os valores da tabela oficial praticada.

Para Sandro Valduga, presidente da Aprovale, esta ação precisa ser iniciada agora, para que o Vale dos Vinhedos como região produtora de uvas e vinhos se mantenha viva. “Nossas vinícolas buscam uvas que atendam aos requisitos da Denominação de Origem, para podermos ter mais rótulos reconhecidos no mercado. E nossos produtores tem condições de cultivar e fornecer, mantendo-se em suas propriedades e honrando a tradição do cultivo da uva no Vale dos Vinhedos. Então estamos à disposição para unir ambos os lados, de forma regularizada, com contratos e compromissos firmados, pra assim valorizarmos ainda mais o Vale dos Vinhedos, nossas vinícolas, nossos agricultores, e a Denominação de Origem.”

Variedades participantes

  • Variedades tintas: Merlot, Cabernet Sauvignon, Cabernet Franc e Tannat, com produtividade de até 10 toneladas por hectare e com graduação a partir de 18° babo.

  • Variedades brancas: Chardonnay e Riesling Itálico, com produtividade de até 10 toneladas por hectare e com graduação a partir dos 18° babo.

  • Variedades para espumante: Chardonnay, Pinot Noir e Riesling Itálico, com produtividade de até 12 toneladas por hectare e com graduação entre 14° e 17° babo.

As uvas contempladas neste projeto devem, obrigatoriamente, ser cultivadas dentro da área delimitada da Denominação de Origem Vale dos Vinhedos, origem que deverá ser comprovada. A condução dos vinhedos deve ser em espaldeira, a colheita deve ser manual, e os vinhedos não podem receber irrigação ou serem cobertos.


Tabela de valores

Os valores das uvas tintas e brancas que atendam ao regramento da D.O. para o processamento de vinhos e espumantes, terá cálculo sobre tabela da CONAB (Companhia Nacional de Abastecimento).


Tabela com projeção de valores para a safra 2023 em anexo.


Cadastro de produtores

Os produtores que já possuem vinhedos adequados às normas, ou que possuem interesse em aderir ao projeto e plantar vinhedos, podem efetuar o seu cadastro junto a Aprovale, através do WhatsApp (54) 99216.6936, e-mail aprovale@valedosvinhedos.com.br, ou preencher formulário direto na sede da entidade, que fica localizada no acesso principal ao Vale dos Vinhedos, ao lado do posto de combustíveis – RS 444, KM 14, Bairro Vinosul.

Para o cadastro são necessários os dados do produtor, a localização da área produtiva, os hectares e variedades cultivadas ou de interesse em cultivar. Técnico credenciado da Aprovale visitará os locais e fará o acompanhamento da safra, para garantir que atendam à qualidade especificada em regulamento.

Projeto de ampliação de vinhedos de qualidade

Outro projeto, nascido na Aprovale e executado pela Secretaria de Agricultura de Bento Gonçalves, apoia produtores interessados em converter ou plantar vinhedos que atendam às normas. O apoio dá-se por meio de horas/máquina para limpeza dos terrenos e na aquisição de mudas em viveiristas cadastrados.

Informações sobre como participar do projeto de horas/máquina e aquisição de mudas, podem ser adquiridas junto a Secretaria de Agricultura: (54) 30557168 ou agricultura@bentogoncalves.rs.gov.br

FOTOS

Foto 1: Primeiro encontro entre representantes da Aprovale e agricultores ocorreu em 15 de setembro. Crédito: Luciana R. Barbieri.

Foto 2: Sandro Valduga, presidente da Aprovale e idealizador deste projeto, recebeu os produtores na sede da entidade e também visitou diversas propriedades com potencial para a ação. Crédito: Naiára Martini.

Foto 3: Produtores receberam muito bem o projeto, que agora será formalizado e cadastrará interessados. Crédito: Luciana R. Barbieri.

Em necessidade de esclarecimentos, estamos à disposição.

Atenciosamente,

Naiára Martini

Coordenadora de Comunicação e Marketing Turismóloga.

Aprovale – RS – Vale dos Vinhedos

WhatsApp: (54) 99216.6936 www.valedosvinhedos.com.br


Fotos: divulgação

Comments


bottom of page