• Cris Jardim

Mais uma chance para degustar o Miolo Wild Gamay 2021

Primeiro lote esgotou em menos de uma semana, reconhecendo a capacidade da vinícola na elaboração de vinhos diferenciados



Depois do sucesso nas vendas do primeiro lote, lançado em março, a Vinícola Miolo disponibiliza mais uma partilha do tão disputado Miolo Wild Gamay 2021. As 40 mil garrafas poderão ser adquiridas pelo www.loja.miolo.com.br, no varejo da vinícola, além de delicatessens e restaurantes de todo o Brasil, ibda na primeira semana de maio. Em sua segunda safra, o vinho já conquistou aquele consumidor que busca produtos mais naturais, descomplicados, fáceis de beber. Elaborado a partir da fermentação espontânea com leveduras selvagens, naturais da própria uva Gamay, e sem a adição de sulfitos (SO2), o vinho segue o método ancestral de maceração carbônica de cachos inteiros e também é 100% vegano com Selo da The Vegan Society.

Reconhecida mundialmente pela qualidade de seus vinhos, a Miolo é pioneira no Brasil a elaborar um Gamay com este conceito, a exemplo do que acontece na França. Ao desenvolver projetos distintos, colocando no mercado vinhos altamente diferenciados, a vinícola mostra sua capacidade produtiva de empregar excelência em tudo o que faz.

O vinho

Elaborado a partir de uvas cultivadas nos vinhedos do Seival, na Campanha Meridional, este vinho é resultado do processo de maceração carbônica de cachos inteiros e por gravidade, sem adição de sulfitos e fermentação com leveduras selvagens da própria uva Gamay. Límpido, de coloração rubi intensa com bordas violáceas, apresenta alta intensidade aromática e tipicidade trazido pelo processo de maceração, com aromas de morango, goiaba e maçã caramelada. Na boca, um vinho de estrutura leve, equilibrado, extremamente agradável e descompromissado. Ideal ser degustado como aperitivo com temperatura entre 10°C e 12°C. Devido sua baixa concentração tânica harmoniza muito bem com saladas, sopas, peixes, massas de molhos brancos, pizzas, carnes brancas e queijos de massa mole e semidura, com destaque para o Emmenthal.


Texto e Foto: Divulgação Miolo