top of page
  • Foto do escritorCris Jardim

Dia Internacional do Gin Tônica: descubra como preparar esse drink de diferentes formas

Um clássico da coquetelaria que, de tão popular, ganhou uma data comemorativa: 19 de outubro é o Dia Internacional do Gin Tônica

Conhecido por ser um dos destilados mais consumidos no mundo, e por ser uma das bebidas mais tradicionais na Europa, o gin tem conquistado cada vez mais espaço em todos os países, inclusive no Brasil. De acordo com a consultoria Nielsen Scantrack, o país registrou crescimento de 87,3% em valor de vendas no varejo no ano de 2020, no comparativo com o ano anterior, 2019. Por ser uma bebida versátil, é possível consumi-lo de diversas maneiras, mas uma em particular acabou se tornando referência no universo dos drinks: o gin tônica.


Um clássico que, de tão popular, ganhou uma data comemorativa: 19 de outubro é o Dia Internacional do Gin Tônica. “O mais curioso é que o gin sempre esteve relacionado com o universo da medicina, mas, com o tempo, a receita foi sendo aperfeiçoada e acabou se tornando no que conhecemos hoje”, explica o bartender parceiro da destilaria Weber Haus, Rafael Câmara.


A história do gin começou há cerca de três séculos, quando o médico e professor Francisco de la Boie decidiu criar uma fórmula para tratar afecções renais. Por ser barata e saborosa, acabou caindo no gosto dos ingleses, que, durante a colonização do continente africano, bebiam para espantar o frio e ficarem mais “valentes”. “Só que na Índia - colônia inglesa durante o século XIX – o clima era quente e úmido, ambiente propício para a proliferação de mosquitos transmissores da malária. Como a medicina da época orientava o consumo de água gaseificada com quinino como forma de prevenção, os ingleses na região passaram a misturá-la no gin.”, diz Câmara.


A mistura liberava na pele humana um amargor que espantava os mosquitos. Porém, por ser uma bebida muito concentrada, os soldados acabavam tendo náuseas, o que os fez acrescentar açúcar e limão siciliano para disfarçar o amargor, e assim surgiu a primeira versão do gin tônica. Com o tempo, o drink foi ganhando novas fórmulas e ingredientes, sendo que hoje em dia é possível encontrar diferentes versões desse clássico da coquetelaria. Para quem quer aprender algumas versões diferenciadas do Gin Tônica, Câmara explica o passo a passo, confira:

Gin Tônica Pink

Ingredientes

50ml Gin cor Pink;

150ml Água Tônica;

04 Fatias de Morango;

01 Ramo de Tomilho


Modo de Preparo

Corte o morango e adicione na taça, depois acrescente o gin. Adicione bastante gelo e complete com a tônica. Finalize com o ramo de tomilho.

Gin Tropical

50 ml Gin;

150 ml Água Tônica;

1 ramo de salsão;

03 fatias de carambola


Modo de preparo

Direto na taça, acrescente bastante gelo e as bebidas, por último coloque o salsão e a carambola e mexa levemente apenas para misturar os ingredientes.


Sobre a Weber Haus

A história da família Weber no Brasil tem início em 1824, quando saíram da cidade alemã de Hunsrück para morar no Lote 48 das encostas da Serra Gaúcha, hoje chamada Ivoti. Ao adquirir as terras, a família iniciou o plantio de batata inglesa. Foi só em 1848, com o plantio de cana-de-açúcar, que começaram a elaborar cachaças para consumo. O destilador foi construído após um século e era formado apenas por um galpão com um engenho de tração animal. Atualmente, a Weber Haus já coleciona mais de 150 premiações e certificados importantes para a agroindústria.


Saiba mais em www.weberhaus.com.br

Assessoria de Imprensa

Notícia Expressa

Telefone: (11) 91030-3530


Fotos: divulgação

Commentaires


bottom of page